Are you the publisher? Claim or contact us about this channel


Embed this content in your HTML

Search

Report adult content:

click to rate:

Account: (login)

More Channels


Channel Catalog


    0 0







    0 0









    0 0

    Mais uma contribuição nossa para a Educação Infantil
    Clássico Infantil - Os Três Porquinhos
    Recurso: Dedoches
    By Taty Amaral Criações












    0 0

    Mais uma de nossas contribuições para a Educação Infantil
    Clássico Infantil - Chapeuzinho Vermelho
    Recurso: Dedoches
    By Taty Amaral Criações













    0 0

    Mais uma de nossas criações. Ótimo recurso pra evangelizar as crianças. Esses dedoches tem 05 cores, as cores do Livro sem Palavras e Contam a Mensagem da Salvação.




    0 0


     A Palavra de Deus nos ordena a ensinar as crianças.

     As crianças de hoje serão os pais de amanhã e os líderes da igreja deste século. Precisamos estar preparados para ensinar as crianças de um modo que agrade a Deus.

    Alguém diz que é muito melhor “construir” uma criança corretamente do que “reformar” um adulto mais tarde.

    Nosso desejo deve ser que as crianças aceitem a Jesus como Salvador e Senhor e cresçam nEle, dando fruto que as levem a ensinar outros.

    “E o que de minha parte ouviste através de muitas testemunhas, isso mesmo transmite a homens fiéis e também idôneos para instruir a outros”. (2 Timóteo 2.2)

    A Bíblia dá aos pais a responsabilidade de ensinar aos filhos (Deuteronômio 6.4-9; Salmo 78). A Igreja tem de ajudar nesta tarefa treinando os pais no que fazer e no como fazê-lo.

    A revelação de Deus exige uma resposta pessoal de cada um dos Seus filhos. O que a Escrituras nos mandam fazer em nosso ministério com crianças?

    Mateus 28.19,20: o imperativo nessa passagem é claro: “Fazei discípulos”. Quando formos, temos de ensinar a Palavra de Deus a todas as pessoas – inclusive às crianças. As implicações contidas neste texto são (a) evangelizar (falar do evangelho a todas as pessoas) e (b) discipular (ajudar cada crente a crescer em Cristo para ser um fazedor de discípulos). Isto pode ser eficiente om crianças se estas forem educadas da maneira correta.

    Deuteronômio 6.4-9: Moisés ordenou os pais (a) a ensinar a Palavra de Deus diligentemente aos filhos, (b) de modo muito casual e natural, (c) usando o estilo de vida deles como método principal. Esta conversação orientada ajudará a educar cada criança como também a apresentar um modelo de vida adulta santo.

    Provérbios 22.6: Este provérbio dá-nos breve introspecção sobre como ensinar crianças. Os professores de crianças têm de desejar (a) “instruir” – criar gosto ou desejo na criança pelas coisas de Deus; (b) “no caminho” – conforme o passo dela. A instrução deve levar em conta a individualidade e o desenvolvimento mental e físico da criança; (c) Ela “não se desviará” – se a criança for educada corretamente nas coisas de Deus, o desejo dela será manter-se firme no que aprendeu. Uma versão ampliada deste provérbio seria:
    “Dedique-se ao Senhor e crie na criança o gosto pelas coisas do Senhor, de acordo com a faixa etária dela; e mesmo quando ela ficar adulta não se afastará do treinamento espiritual que recebeu”.

    Atos 2.41-47: Este é um relato resumido sobre a descida do espírito Santo e o início da Igreja. Podemos ver os resultados do Pentecostes atuantes em quatro fatores principais na vida daquela comunidade neotestamentária: (a) Adoração – os crentes oravam, partiam o pão, cantavam e adoravam juntos ao Senhor. (b) Instrução – os crentes dedicavam-se ao ensino dos apóstolos. (c) Comunhão – os crentes tinham comunhão uns com os outros com a finalidade de disseminar a Mensagem do Evangelho. (d) Expressão – os crentes se expressavam ao Corpo de Cristo mediante edificação e encorajamento, e ao mundo, através do evangelismo. Estes quatro ingredientes devem estar incluídos no ministério com crianças.
    Efésios 4.11-16; 1 Coríntios 12; Romanos 12: Estas três referências revelam métodos de Deus implementar o ministério com crianças – pelos dons do Espírito Santo.

    Em Efésios 4.11-16, aprendemos que Jesus deu à Igreja aqueles que ensinam, evangelizam e pastoreiam. Ele os concedeu com o propósito de dar unidade aos crentes, maturidade ao corpo e conformidade a Ele.  Estes líderes equipam os santos para fazer a obra do ministério – inclusive o ensino às crianças em casa, na igreja e na escola!

    1 Coríntios 12 e Romanos 12, mostram-nos que não é suficiente buscar e achar perdidos. Eles devem ser cuidados, alimentados e guiados para se tornarem cristãos maduros. Onde obtemos os recursos? Estas duas passagens concedem-nos as respostas. O Espírito Santo capacita o povo de Deus a ministrar – ajudar os crentes a se desenvolver segundo a semelhança de Cristo.

    2 Timóteo 2.2: Paulo descreve o ministério da multiplicação que tem de acontecer ao longo de toda geração para que a fé cristã seja ensinada até que Jesus venha. Os líderes cristãos precisam equipar os professores e pais em cada faceta do ministério com crianças, de forma que o ensino correto aconteça ao nível de cada aluno. Assim, o ciclo de evangelismo estará completo – agora o discípulo tornar-se fazedor de discípulo.
    Para que isso aconteça, é importante que as diretivas bíblicas mencionadas descrevem dois focos como (1) evangelismo – alcançar as crianças, levá-las a um compromisso com Jesus Cristo como Salvador e Senhor; e (2) discipulado – levá-las a crescer na Palavra de Deus e equipá-las para compartilhar a fé.
    Fazer discípulos no ministério com crianças inclui as seguintes diretrizes:

    Amor e aceitação. As crianças precisam ver o amor incondicional de Deus exemplificado por líderes, professores e pais que denotem cuidado e incentivo. Um ambiente de amor e aceitação estabelece clima para o ensino.

    Construção de relacionamentos. As crianças aprendem verdades bíblicas e teológicas no contexto de relacionamento entre professor e aluno. Relacionamentos de significados podem ser cultivados quando a relação professor/aluno é estreita.

    Envolvimento ativo. As crianças aprendem melhor fazendo – usando todos os cinco sentidos. Aprender requer o envolvimento ativo na lição. As crianças envolvidas em fazer suas próprias descobertas experimentam maior retenção. A participação conduz a mudança de atitude que, por sua vez, motivam os alunos aplicar a Bíblia em suas vidas.

    Aplicação na vida. É essencial aos professores e pais que ensinem visando a aplicação dos ensinos na vida das crianças. Tiago 1.22 diz: “Sede cumpridores da Palavra e não somente ouvintes, enganando-vos”. Através da conversa dirigida e do envolvimento ativo no processo de aprendizagem, a Palavra de Deus pode ser colocada em ação na vida de nossas crianças.

    Conversa dirigida. A conversa dirigida é informal, mas o diálogo planejado pode ocorrer durante as atividades de aprendizagem, adoração ou a qualquer hora. Este método transmite atitudes junto com o conteúdo bíblico.

    Escolhas.  Permitir que as crianças escolham as atividades ajuda-as a pensar com independência, a ter motivação e a se interessar por aquela atividade de aprendizagem. Quando todas as atividades da sala de aula apontam para o mesmo alvo da Palavra de Deus, a criança pode escolher alguma atividade e ainda aprender o conteúdo bíblico, as atitudes corretas e a aplicação para a vida diária. Nem todas as crianças aprendem de uma mesma maneira. Algumas apreciam o desafio de uma procura no dicionário em preparação para a lição. Outras gostam das atividades manuais. Outras ainda dão-se bem usando um jogo da memória da Bíblia para aprender o versículo para a lição. Oferecer opções permite que as crianças tenham a liberdade de aprender.

    Ensino da sessão total. Do minuto em que a primeira criança entra na sala de aula até que a última saia, tudo o que for ensinado e experimentado deve apontar para os objetivos da lição da Palavra de Deus. A música, os trabalhos manuais, o versículo para memorizar, a história, as atividades e a conversa dirigida devem todos apontar para esses objetivos declarados na lição. Com crianças, em particular as mais pequenas, precisamos ensinar um conceito e ensiná-lo bem. Esta abordagem de conteúdo único capacita as crianças a assimilar uma verdade da Bíblia e aplicá-la em suas vidas durante a semana.

    Grupos grandes e pequenos. O ministério com crianças normalmente tem falta de obreiros. Por conseguinte, as classes são grandes e o pessoal pedagógico pequeno. A relação de professor par alunos deve ser 1:5-6, até crianças de cinco anos, e 1:8-10 nas classes de crianças mais velhas. Grupos grandes são adequados para atuações bíblicas, momentos de adoração, brincadeiras, etc. Grupos pequenos são apropriados para contar histórias bíblicas, aprender atividades e desenvolver aqueles decisivos relacionamentos entre professor e aluno.

    Lições divididas em unidades. Cada lição ensinada às crianças deve ser parte de um gruo maior de lições chamadas unidade. Todas essas lições focalizam-se em um tema ou objetivo da Palavra de Deus. É importante que as lições sejam agrupadas em unidades, porque assim as crianças aprendem melhor tendo um tema ensinado por muitos métodos diferentes.

    O processo do ensino-aprendizagem. Entender como as crianças aprendem determina nosso ministério de ensino. Elas aprendem por experiências diretas, envolvimento ativo e descoberta pessoal. Nas 125 situações de ensino registradas no ministério de Jesus, em mais de dois terços das vezes o aluno fazia uma pergunta em resposta ao que Jesus fizera ou dissera. O Mestre em ensinar sabia que, seu propósito era ensinar, as palavras tinham de ir junto com as ações. Ele pedia aos alunos, aos discípulos e aos outros para serem participantes ativos no processo de aprendizagem. Para Jesus, a aprendizagem era um processo de construção e não somente de transmissão.

    Nosso trabalho com crianças deve ser estabelecido para satisfazer suas necessidades e alcançar as metas bíblicas.

    Seu ministério com crianças pode ser desafiador e recompensador à medida que você observar as crianças tornarem-se mais semelhantes ao Senhor Jesus Cristo. Ensinar crianças é estrênuo, sobretudo depois de um culto prolongado, mas vê-las envolvidas com a Palavra de Deus é empolgante.

    Lembra-se da história de nosso Senhor Jesus Cristo em João 13? Ele deitou água na bacia, apanhou uma toalha e lavou os pés dos discípulos. Exemplificou aos doze o serviço humilde – mesmo para aquele que estava a ponto de traí-lo! Ele deu aos discípulos esta lição prática e depois fez uma pergunta: “Entendeis o que vos tenho feito?” (João 13.12). A verdade da passagem encontra-se nos vv. 14 e 15: “Ora, se eu, Senhor e Mestre, vos lavei os pés, vós deveis lavar os és uns dos outros. Porque eu vou dei exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também”.

    Como professores ou pais, temos de levar a sério nossa suprema chamada. As crianças de hoje serão os líderes de amanhã. Elas basearão suas vidas e decisões na Bíblia Sagrada? Que Deus nos ajude a estarmos comprometidos com a sua grande obra à mão – o ministério com as crianças do Senhor!

    REFERÊNCIAS

    Bíblia para Líderes do Ministério Infantil - APEC
    Manual do Ensinador Cristão - CPAD
    Como Ensinar Doutrinas Bíblicas às Crianças - APEC
    Como Evangelizar Crianças - APEC





    0 0
  • 06/27/13--18:17: LUVA DE HISTÓRIA - SAMUEL



  • 0 0

    Estivemos na Igreja Evangélica Assembléia de Deus, no Ipase em São Luís do Maranhão dando nossa contribuição num Simpósio para líderes de Crianças, com palestra e oficinas  de jogos bíblicos, evangelismo infantil e culto infantil.








    0 0

    No dia 27 de Abril de 2013, estivemos na Igreja Evangélica Assembléia de Deus, ministrando uma oficina de Avental de Contar História... e por incrível que pareça as irmãs participantes confeccionaram 10 histórias diferentes!!! Foi uma benção!














    0 0
  • 07/21/13--12:44: A CRIANÇA E A ORAÇÃO

  • INICIANDO UM TRABALHO DE ORAÇÃO COM CRIANÇAS ATÉ 06 ANOS DE IDADE

    Nós enquanto educadores cristãos compromissados com a Obra de Cristo, precisamos ajudar as crianças desde cedo a fazerem da oração parte importante da sua vida diária. Diante disto, sugerimos um planejamento para os encontros de oração com crianças até 06 anos de idade. Faremos outras postagens dando continuidade a essa.

    Sugestão para o 1º Encontro de Oração  

    Acolhida: Boas Vindas, Música, Apresentação Pessoal.

    Receba as crianças com muita alegria, utilizando o Kit Acolhida (coração e mãos gigantes). Dê um abraço bem grandão em cada uma delas. Diga a elas o quanto está feliz em vê-las ali e em seguida acomode-as em seus lugares.

    Cante músicas de cumprimento, de boas vindas, de apresentação pessoal (Bom dia, Boa tarde ou Boa noite; Olá como vai; Boas vindas há; Quem é você?, etc.)

    Distribua crachás bonitos e coloridos com os nomes das  crianças.
    Devocional: Oração, Música, Palavra

    Oração– Você, criança, já orou hoje? Você sabe o que é orar? Orar é falar, é conversar com Deus. As pessoas costumam se utilizar de vários meios pra falarem umas com as outras, a exemplo temos o telefone fixo, o celular, os bate-papos na internet, cartas, fax, etc., mas para você e eu falarmos com Deus, não precisa nada disso. Podemos falar diretamente com Ele, com nossas bocas ou em nosso pensamento, a qualquer hora, em qualquer lugar, em pé, deitado, de joelhos, andando ou até embaixo d’água!
    Que tal experimentarmos? Vamos orar?

    Música: “Vamos agora orar, falar com Deus o Senhor Criador, as mãos unir e os olhos fechar, para falar com Deus.”
    Continue com os olhos fechados, converse com Deus em seu pensamento, fale pra ele o que você quiser. Darei a você 2 minutinhos pra fazer isso e quando eu der o sinal (dizendo amém), encerraremos esta primeira oração.

    Muitas pessoas sentem dificuldade pra falar com Deus, algumas costumam dizer que não tem nada pra falar com Ele ou que não sabem o que vão dizer pra Deus. Um dos principais motivos que nos fazem sentir dificuldade pra falar com Deus é o fato de não o conhecermos. Geralmente quando não conhecemos a outra pessoa temos dificuldade pra nos aproximarmos dela, pra cumprimentá-la, pra conversarmos com ela, por ser simplesmente, desconhecida... assim mesmo, quando não conhecemos a Deus, não conseguimos falar com Ele.

    Você sabe Quem é Deus?

    Palavra– A Bíblia, a Palavra de Deus nos diz assim: “Levantai ao alto os olhos e vede. Quem criou estas coisas?” Isaías 40.26 (visualize esse versículo, para memorização). A Bíblia nos ensina que todas as coisas foram criadas por Deus, e sem Ele nada do que foi feito se fez. Através da Criação de Deus podemos perceber que Ele existe. Quando oramos a Ele, damos prova que confiamos na sua existência, que cremos nEle apesar dele ser invisível, por que Ele é Espírito. Quando observamos a natureza, percebemos que Deus é um Deus de beleza, de ordem e de poder.

    Deus de beleza– observe como a natureza é linda! O pôr do sol avermelhado, o mar que ora está calmo, ora está revolto, o céu estrelado, as flores coloridas, os pássaros voando e cantando e tantos outros animais... tudo tão lindo, que mais parece um quadro... e quem o pintou foi Deus! (Mostre gravuras ilustrativas e coloridas para as crianças)

    Deus de ordem– Ele fez o sol para iluminar o dia, a lua e as estrelas para iluminar a noite; as nuvens trazem chuva e neve; os planetas circulam em volta do sol sempre em suas velocidades normais e em suas rotas... perceba como tudo se encaixa de um jeito maravilhoso, organizado por Deus! (Mostre gravuras ilustrativas e coloridas para as crianças)

    Deus de poder– As montanhas são grandes e altas, as ondas do mar são tão fortes, as cascatas são poderosas, o relampado é resplandecente e o trovão barulhento. A natureza é poderosa e Aquele que a criou é muito mais poderoso. Glória a Deus!!! (Mostre gravuras ilustrativas e coloridas para as crianças)


    Oração– tipo ADORAÇÃO – Adoração é o grande amor e respeito que você tem por Deus. Ele merece sua afeição por que é Santo (perfeito sob todos os aspectos e foi Ele quem fez todas as coisas – inclusive você (Salmo 95.1-6). Você adora a Deus ao se alegrar com tudo que Ele é ao dizer a Ele como é Maravilhoso. Você pode dizer: “Deus, o Senhor é o Criador Maravilhoso. Eu O amo por ser Todo-Poderoso. “Eu O amo por ser Perfeito”. Criança, você pode adorar a Deus através da Sua oração quando e onde quiser.

    Atividade de Fixação: Aqui nessa caixinha decorada coloquei alguns motivos de oração que estão relacionados ao que aprendemos hoje sobre o nosso Deus Criador.

    oMotivos de Oração: FLORES – ÁRVORES – FRUTOS – PESSOAS – ANIMAIS – LUMINARES (SOL, LUA E ESTRELAS) – NUVENS, ARO-ÍRIS, MARES, RIOS, VENTOS, RELÂMPAGOS E TROVÕES, CHUVA, ETC. (Você educador cristão pode ilustrar esses motivos de oração em fichas com letras grandes e coloridas ou com imagens ilustrativas ou ainda com objetos).

    oCada Criança poderá escolher um motivo dessa caixinha para fazer sua oração em adoração a Deus.

    Convite à Salvação: Você criança que ainda não é salva, também pode orar, reconhecendo que é pecadora, crendo e recebendo a Jesus Cristo, O Perfeito Filho de Deus, como Salvador e Senhor de sua vida, Recebendo o seu perdão e adorando-o também como Maravilhoso Deus Criador.

    Despedida: Entregue lembrancinhas às crianças contendo o versículo bíblico do dia (Isaías 40.26). Ore pelas crianças.




    0 0

    Olá meus amigos! Este aqui é o nosso mais novo CARTEIRO MISSIONÁRIO - APLIQUE CONFECCIONADO EM EVA, com acabamentos feitos com giz pastel oleoso e caneta permanente preta. Recurso muito legal para o  Momento Missionário com as Crianças. Você poderá fixá-lo no seu mural missionário, que tal?!O Carteiro Missionário deverá ser utilizado toda vez que algum missionário enviar cartas para as crianças e também servirá para incentivar as crianças a se corresponderem com os missionários que estão em campo, através de cartas e desenhos.
    Você poderá encontrar o nosso CARTEIRO MISSIONÁRIO na loja Virtual Taty Amaral Criações. Confira esse e outros recursos criativos para o Ministério com Crianças. Paz e um grande Abraço!



    0 0

    Olá meus queridos amigos!!! Trago mais uma novidade da TAC - TATAY AMARAL CRIAÇÕES pra vocês. São os PALITOCHES - O BOM SAMARITANO - Lucas 10.25-37. Querem mais informações? Confiram em nossa Loja Virtual. Deus abençoe a todos vocês. Um super abraço, da Tia Taty Amaral!!



    0 0


    Vejam só pessoal, apresentamos a vocês mais uma História Bíblica da TATY AMARAL CRIAÇÕES visualizada em PALITOCHES. Querem saber mais sobre nossos materiais? Confiram na nossa loja Virtual. Paz de Jesus!!!




    0 0

    A TATY AMARAL CRIAÇÕES visualizou com muito carinho este versículo para você. Quer mais informações sobre ele? Acesse nossa LOJA VIRTUAL





    0 0
  • 09/03/13--13:46: KIT GLOBO E MÃOS GIGANTES
  • Criamos esse Kit especialmente para o Momento Missionário. Confiram em nossa LOJA VIRTUAL. Fiquem na Paz de Cristo!!






    0 0
  • 09/30/14--15:33: ORGANIZANDO A SALINHA DA EBD

  • Olá meus amigos e irmãos em Cristo, estou trazendo aqui algumas sugestões pra que vocês possam estar dando uma organizada nos materiais da sala das crianças da Escola Bíblica.

    Confiram abaixo:

    LATAS DECORADAS COM EVA















    POTES DE MARGARINA DECORADOS COM EVA















    Espero que tenham gostado das sugestões.

    Um forte abraço.
    Taty Amaral



    0 0
  • 11/14/14--10:28: ACOLHIDA
  • Planejar a Acolhida das crianças


    Pensar a forma e que recursos utilizar para receber as crianças fazendo com que elas se sintam seguras e a vontade para serem elas mesmas.

    Você líder de crianças precisa primeiramente estar preparado espiritualmente para ministrar às crianças;

    Você líder de crianças, precisa ser alegre, afetivo, ter ânimo e amor pelo que faz; ser comunicativo, observador, estar atento e sensível às falas e aos comportamentos das crianças.

    Você líder de crianças precisa ser criativo, bom no improviso, expressivo e disposto a aprender e a servir;

    Quanto aos recursos você poderá utilizar crachás, recursos gigantes de acolhida, tipo mãos, corações gigantes, pintura facial, adereços relacionados ao conteúdo trabalhado (coroas, chapéus, máscaras, colares, etc.), a personificação, fantoches, ambientação ou decoração temática do ambiente, centros ou cantinhos de interesse, música e vídeo.

    O momento da acolhida também será um espaço para a roda de conversa, na qual você terá oportunidade de sentir seus alunos e saber como eles estão, como foi o dia ou a semana; Um bom recurso para se utilizar nessa hora é o Emocionômetro. Saber como as crianças se sentem, pensam, se comportam ou saber o que elas estão vivenciando ou com quem estão se relacionando, dentro e fora do espaço familiar, ajudará você líder de crianças com a ação do Espírito Santo, é claro, conduzir melhor o ensino e fazer as aplicações práticas e necessárias para que de fato ocorram mudanças na vida dos pequeninos.


    Dependendo de como foi a sua acolhida às crianças, elas sentirão vontade de voltar no próximo encontro e mais, elas trarão novas crianças e até as suas famílias. É obrigação do líder de crianças receber, calorosamente as crianças e também é dever da Igreja acolher todos aqueles que se aproximarem da comunidade cristã evangélica, em qualquer serviço ministerial (Evangelismo, Discipulado, Escola bíblica, Cultos, etc.).





    0 0





    0 0


    0 0



    0 0



























    OBS: DEIXE O SEU EMAIL NO COMENTÁRIO DESSA POSTAGEM PRA QUE EU POSSA ENVIAR O ESBOÇO DESSA PREGAÇÃO E OUTROS RECURSOS QUE FORAM UTILIZADOS.

    A PAZ DE CRISTO!!

    0 0



















    OBS: DEIXE O SEU EMAIL NO COMENTÁRIO DESSA POSTAGEM PRA QUE EU POSSA ENVIAR O ESBOÇO DESSA PREGAÇÃO E OUTROS RECURSOS QUE FORAM UTILIZADOS.

    A PAZ DE CRISTO!! 

    0 0


    ÚTEIS NOS CULTOS INFANTIS, NAS AULAS BÍBLICAS NA ESCOLA BÍBLICA INFANTIL, NOS MOMENTOS MISSIONÁRIOS, NOS EVANGELISMOS, ETC.














    0 0
  • 02/15/15--06:35: MASCOTE - BIBLIONILDO
  • Olá amigos de Ministério, hoje quero compartilhar com vocês um personagem que criamos para os devocionais da nossa Escola Bíblica Infantil, na Casa de Oração Monte Horebe - Quero apresentar a vocês o Prof. Biblionildo. Ele ensinará todos os domingos antes das aulas bíblicas nas vários assuntos de Bibliologia para crianças.





    Na sua primeira aulinha, o Prof. Biblionildo dará noções básicas sobre a Bíblia - O Livro de Deus. Biblionildo ensina às crianças através de números, sinais, cores, imagens, abreviaturas, etc. As crianças amam!!!
    Aprendemos com o Prof. Biblionildo que o nº 1, nos diz que a Bíblia só tem uma autor: DEUS.
    Também aprendemos as seguintes coisas:

    O nº 2, nos diz que a bíblia se divide em duas partes: AT - Antigo Testamento e NT - Novo Testamento.

    O AT - tem 39 livros e o NT - tem 27 livros.

    O círculo que contem a informação: + de 1000, nos diz que a Bíblia levou mais de 1000 anos para ser escrita.

    O círculo que contem a informação: + de 40, nos diz que Deus usou mais de 40 homens para escreverem a Bíblia, isto é, homens inspirados por Deus.

    Bem... por hoje é só pessoal! Até a próxima aula do Prof. Biblionildo.


    Abração da tia Taty Amaral!!! Paz de Cristo!

    0 0